Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Maçã de Alcobaça ruma à internacionalização

06/12/2022
Projeto valoriza a localização única e diferenciadora da área de produção da Maçã de Alcobaça: “a única maçã do Atlântico”.
foto

Conscientes de que a internacionalização é uma alavanca indispensável para o crescimento económico do setor, a APMA - Associação dos Produtores de Maçã de Alcobaça apresentou, a 3 dezembro, o 'Projeto de Promoção da Maçã de Alcobaça em Mercados Externos', que pretende dar palco a “uma nova onda de sabor vinda de Portugal” oriunda da “única maçã do Atlântico”. A apresentação decorreu na sede da empresa Embala na Hora, em Óbidos, no âmbito do sistema de apoios a ações coletivas “Internacionalização”.

A Associação de Produtores acredita que com este projeto “a fileira da maçã, as Organizações de Produtores e os operadores individuais, sejam mobilizados para uma estratégia coletiva de promoção e para a criação de valor acrescentado e, em última instância, que sirva como ferramenta impulsionadora de estratégias colaborativas da venda do seu produto – Maçã de Alcobaça – por parte das PME´S que integram a APMA”.

Uma estratégia que consideram fundamental para contribuir para a valorização e diferenciação da Maçã de Alcobaça - IGP, a única maçã com influência atlântica, fomentando as exportações e a inovação deste produto português, ao mesmo tempo que contribui para o aumento da competitividade e visibilidade internacional de Portugal.

Estamos perante um projeto que valoriza a localização geográfica da área de produção da Maçã de Alcobaça, potenciando as suas caraterísticas únicas e diferenciadoras: maior intensidade de sabor agridoce, de cor e de aroma. Pequena e particularmente saborosa, a Maça de Alcobaça é rica em fitonutrientes, antioxidantes e fibras, tornando-se perfeita para ser comida à dentada, a qualquer hora e em qualquer lugar, e fazer parte de receitas saudáveis e saborosas, sejam doces ou salgadas. Para a APMA “o projeto define um posicionamento baseado no conceito Atlantic Apple, dado a Maçã de Alcobaça ser a única maçã com influência atlântica. As caraterísticas diferenciadoras da Maçã de Alcobaça devem-se às interações muitos especificas entre a maresia do atlântico e o terroir da área de produção. O projeto valoriza, assim, a localização única e diferenciadora da área de produção da Maçã de Alcobaça na parte ocidental da Europa”.

Para dar resposta a este desafio estão a ser implementadas diversas ações de promoção e de marketing internacional em alguns mercados estratégicos, destacando-se o Brasil. A estratégia passa por aumentar a notoriedade da marca Maçã de Alcobaça, através de comunicação e ativações online e offline que permitam aumentar a presença da comunicação no ponto de venda, implementar ações de promoção e oferta do produto, aproximar o produto dos públicos-alvo e dos seus espaços e criar oportunidades para dar a conhecer os benefícios do produto.

Fileira agroalimentar diferenciadora e inovadora

Fundada em 2001, A APMA - Associação dos Produtores de Maçã de Alcobaça é a entidade gestora da Indicação Geográfica Protegida (IGP) “Maçã de Alcobaça” e detentora da Marca e imagem Coletiva. Constituída por 22 associados, empresas e organizações de produtores que produzem Maçã de Alcobaça IGP, tem como missão a promoção e valorização das maçãs qualificadas da região Oeste e como principais objetivos: regular e gerir a marca regional Maçã de Alcobaça IGP, diferenciar e evidenciar os principais valores e atributos, divulgar e promover a Maçã de Alcobaça, valorizar as maçãs e a atividade frutícola dos seus membros, estimular o consumo na perspetiva de hábitos de alimentação saudáveis e promover o associativismo e as parcerias entre os membros associados.
foto
Recorde-se que a Maçã de Alcobaça é considerada uma fileira agroalimentar diferenciadora, inovadora, evoluída e reconhecida pelo mercado e instituições oficiais como a mais organizada do setor das frutas e legumes em Portugal. Um exemplo notável de percurso, de orientação, de estratégia produtiva e comercial e de afirmação positiva, que vive e pratica uma ruralidade moderna e responsável, baseado em muito e bom conhecimento técnico e científico e saber fazer secular.

O elevado nível de associativismo e a existência de variadíssimas estratégias coletivas e comuns, permitem praticar uma produção extremamente amiga do ambiente, tornando-a uma atividade que valoriza o território rural, o que atrai atualmente muitos novos empreendedores e jovens agricultores. Contribui, ainda, racionalmente para uma natureza regenerativa e bem cuidada e para a produção de alimentos de elevada qualidade, saudáveis e seguros.

Empack - Logistics & Automation 19 - 20 abril 2023LFA

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.ialimentar.pt

iAlimentar - Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Estatuto Editorial