Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Aumento de 52,5% no stock de bacalhau face ao total admissível de captura anterior

27/09/2022
foto
Negociações permitiram um acréscimo de 309 toneladas.
Há boas notícias para a pesca portuguesa. As negociações decorrentes da 44.ª Reunião Anual da Organização de Pescas do Atlântico Noroeste (NAFO), e que contou com a presença da Secretária de Estado das Pescas, Teresa Coelho, em representação do governo português, resultaram num aumento de 52,5% no stock de bacalhau face ao total admissível de captura anterior.

O relatório o Conselho Científico da NAFO 2023 aconselhava, para o bacalhau 3M, o estabelecimento de um Total Admissível de Captura (TAC) de 5791 toneladas. No entanto Portugal considerou existir margem para, em face do aconselhamento científico apresentado, poder ir-se um pouco mais longe em matéria de possibilidades de pesca.

A posição portuguesa teve o apoio de Espanha, em coordenação com a Comissão Europeia e defendida em plenário por esta última. O resultado foi um incremento de 52,5% face ao TAC anterior (mais 309t).

Sobre os outros stocks de relevo para Portugal mantiveram-se as possibilidades de pesca de cantarilho na Divisão 3O (5229t) e um decréscimo de palmeta de 5% face a 2022.

Em 2023 irá manter-se o encerramento da pescaria de camarão 3M, prosseguindo as discussões relativas à transição do modelo de gestão desta unidade populacional para um sistema de TAC que é atualmente gerido em dias de pesca.

Empack - Logistics & Automation 19 - 20 abril 2023LFA

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.ialimentar.pt

iAlimentar - Informação profissional para a indústria alimentar portuguesa

Estatuto Editorial